Tag Archive for conquista

Promessa aos vencedores

Todas as cartas às igrejas da Ásia têm um mesmo padrão. Há, por exemplo, uma identificação de Cristo, uma afirmação do conhecimento íntimo das igrejas, exortações e promessas. Elas foram enviadas para sete igrejas na Ásia que viviam situações distintas, mas que no somatório são situações de todas as igrejas em qualquer época. Portanto, o número sete é literal, pelo fato de serem sete igrejas, e é ao mesmo tempo simbólico, pois indica a totalidade das igrejas em todas as épocas e lugares.

Fonte: Revista Compromisso Ano CVI, nº 424, 4T12

As fraquezas e conquistas destas sete igrejas são as mesmas que nossas igrejas têm hoje. Devemos, portanto, nos esforçar para vencer as fraquezas e procurar manter as conquistas, certos de que as promessas feitas às igrejas da Ásia também são feitas a nós.

Ao vencedor darei o direito de comer da árvore da vida, que está no paraíso de Deus. (Ap 2:7b)

O vencedor de modo algum sofrerá a segunda morte. 
(Ap 2:11b)

Leia as sete cartas na íntegra em Apocalipse 2 e Apocalipse 3, aprenda o que Deus espera das igrejas e conheça todas as promessas que Ele faz aos que vencerem.

Aquele que tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas.
(Ap 3:22)

73º dia: Js 10 a 12

As conquistas marcam o texto de hoje. Israel voltou os olhos para Deus e o resultado foi surpreendente: 31 reinos conquistados (Js 12:24), pois o SENHOR, o Deus de Israel, lutou por Israel (Js 10:42b). Como é bom saber que quando confiamos em Deus e seguimos seus caminhos as coisas começam a se endireitar em nossas vidas: o sofrimento e a dor se transformam em conquistas, DEUS LUTA POR NÓS! Quarenta anos no deserto… Quarenta anos de lamentos… Tudo poderia ter sido mais fácil para o povo de Deus, mas faltou fé e sobraram pecados.

49º dia: Nm 4 a 6

Os levitas foram separados por Deus para o serviço no tabernáculo: seriam eles os responsáveis por desmontar, guardar, carregar e remontar tudo durante a caminhada do povo pelo deserto. Não bastavam exércitos para que a guerra fosse vencida, era necessário manter a presença de Deus no meio do povo. O serviço dos levitas não era mais ou menos importante que os das demais tribos, tudo era necessário. Preparar-se fisicamente e com artefatos não bastaria se Deus não estivesse presente… Da mesma forma, pedir que Deus lhes desse a vitória sem ter se preparado para conquistá-la, não seria o suficiente. Precisamos depender de Deus e acreditar no seu poder de nos dar tudo o que precisamos, mas também precisamos estar prontos para atender os Seus pedidos afinal, Deus age por meio de nós.