Tag Archive for promessa

Bênção especial

Honra teu pai e tua mãe“, este é o primeiro mandamento com promessa: “para que tudo te corra bem e tenhas longa vida sobre a terra“. (Ef 6:2-3)

Este é o quinto mandamento, mas o primeiro com promessa. O fato de ser o primeiro mandamento com promessa não significa que a observância dos quatro primeiros não será refletida em bênção, mas simplesmente que nenhuma bênção específica foi prometida.

É verdade, de fato, que há uma declaração geral anexa ao segundo mandamento, de que Deus trata com bondade até mil gerações aos que o amam e guardam os seus mandamentos (Êx 20:6). Mas esta é uma declaração em relação a todos os mandamentos de Deus, não uma promessa vinculada a um mandamento específico – É uma garantia de que a obediência à lei de Deus seria seguida de bênçãos para milhares de gerações.

Já a promessa do quinto mandamento é uma promessa especial. Não se refere à obediência a Deus em geral, mas é uma garantia especial de que aqueles que honram seus pais terão uma bênção especial como o resultado de sua obediência.

Fonte: StudyLight.org

Vale a pena repetir:

Honra teu pai e tua mãe,
a fim de que tenhas vida longa na terra que o Senhor teu Deus te dá.
(Êx 20:12)

Agora e constantemente

Estão chegando os dias em que toda visão se cumprirá.
Eu, o Senhor, falarei o que eu quiser, e isso se cumprirá sem demora. Pois em seus dias, ó nação rebelde, cumprirei tudo o que eu disser, palavra do Soberano Senhor.
Nenhuma de minhas palavras sofrerá mais demora; tudo o que eu disser se cumprirá, palavra do Soberano Senhor. 
Ezequiel 12:23b, 25, 28

Ezequiel foi orientado pelo Senhor a advertir o povo de Israel:
As palavras de Deus se cumpririam em breve!

Menos de seis anos mais tarde, Jerusalém seria destruída, mesmo assim, o povo ainda era cético.. A incredulidade e a falsa segurança os levaram a crer que tal falto nunca aconteceria.

O apóstolo Pedro lidou com este problema na igreja e, a respeito disso, registrou:

Não se esqueçam disto, amados: para o Senhor um dia é como mil anos, e mil anos como um dia.
O Senhor não demora em cumprir a sua promessa, como julgam alguns. Pelo contrário, ele é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento. 
(2 Pe 3:8-9)

É perigoso dizer que Cristo nunca retornará ou considerar Sua vinda muito distante a ponto de ser irrelevante hoje. Tudo o que Deus diz acontece. Não ouse presumir que terá tempo bastante para consertar sua vida com Deus. Busque o Senhor AGORA e CONSTANTEMENTE.

Adaptado de Bíblia de Estudo – Aplicação pessoal (Ed. CPAD)

Coração de pedra

E lhes darei um só coração, e um espírito novo porei dentro deles; e tirarei da sua carne o coração de pedra, e lhes darei um coração de carne. (Ez 11:19)

Os israelitas levados para a Babilônia foram insultados por aqueles que continuavam em Jerusalém. Mas aos exilados Deus fez promessas graciosas. O Senhor lhes daria um novo coração.

Todos os que são santificados recebem um espírito novo, um novo temperamento. Estes, então, passam a agir de acordo com novos princípios, caminham por novas regras, e visam novos objetivos. Um novo nome ou um novo rosto não servem de nada sem um novo espírito. Se alguém está em Cristo é uma nova criatura.

O coração carnal, como uma pedra, não foi feito para sentir. Os homens vivem entre os mortos e os que estão morrendo, e não são estão preocupados nem se sentem humilhados – a morte não os afeta pois têm coração de pedra. Mas Deus fará seus corações tenros e aptos a perceberem os mais diversos sentimentos: esta é a obra de Deus, é o Seu dom pela promessa; e uma mudança maravilhosa e feliz é forjada por Ele, da morte para a vida – do coração de pedra para o de carne.

Adaptado de Christ Notes – Bible commentary

Cegos, surdos e mudos

Assim diz o Senhor:
Ponham-se nas encruzilhadas e olhem; perguntem pelos caminhos antigos, perguntem pelo bom caminho. Sigam-no e acharão descanso”.
Mas vocês disseram: ‘Não seguiremos!’

Coloquei sentinelas entre vocês e disse: Prestem atenção ao som da trombeta! Mas vocês disseram: ‘Não daremos atenção’. 
(Jr 6:16-17)

O que devemos fazer é claro. O caminho está bem delimitado e sinalizado. Basta desejarmos seguir na direção correta. Mas quase sempre nossas reações são as mesmas do que aquelas dos contemporâneos de Jeremias, a quem ele dirigia estas palavras – nos fazemos de bobos, nos fingimos de desentendidos e escolhemos deliberadamente seguir pelo caminho exatamente oposto.

Povo rebelde, obstinado de coração e de ouvidos! Vocês são iguais aos seus antepassados: sempre resistem ao Espírito Santo! (At 7:51)

Sim, ainda somos este mesmo povo rebelde. Mas temos bons motivos para enfrentarmos essa nossa rebeldia, afinal, lembram-se do que aconteceu com Israel pouco tempo depois da palavra de Jeremias? Foram exilados, humilhados, maltratados… E o caminho de rebeldia, que parecia bom, se transformou em duro sofrimento.

Mas Jesus nos oferece descanso. As dificuldades estarão presentes, mas não irão além do que podemos suportar. É uma doce promessa:

Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso.
Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.
Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
(Mt 11:28-30)

No tempo de Deus

Assim o Senhor deu aos israelitas toda a terra que tinha prometido sob juramento aos seus antepassados, e eles tomaram posse dela e se estabeleceram ali. O Senhor lhes concedeu descanso de todos os lados, como tinha jurado aos seus antepassados. Nenhum dos seus inimigos pode resisti-los, pois o Senhor entregou a todos eles em suas mãos. De todas as boas promessas do Senhor à nação de Israel, nenhuma delas falhou; todas se cumpriram. (Js 21:43-45)

Deus provou sua fidelidade ao cumprir cada promessa feita a Israel. A realização de algumas profecias demorou vários anos, mas nenhuma delas falhou. Sua palavra se realiza de acordo com o Seu tempo, não com o nosso, mas sabemos que Sua promessa é fiel e verdadeira. Quanto mais as reconhecemos e vemos cumprir, torna-se mais fácil esperar pelas que irão acontecer. As vezes ficamos impacientes, desejosos de que Deus aja de certo modo, ‘agora’. Em vez disso, deveríamos procurar fazer a vontade do SENHOR, confiando sempre nEle no que concerne às coisas futuras.

Deus promete e cumpre

Ordenou o Senhor a Moisés: Saia deste lugar, com o povo que você tirou do Egito, e vá para a terra que prometi com juramento a Abraão, a Isaque e a Jacó, dizendo: ‘Eu a darei a seus descendentes’. (Êx 33:1)

Deus cumpre o que promete. Não necessariamente no nosso tempo, mas Suas promessas serão cumpridas.

Abraão não pôde ver com seus próprios olhos os seus descendentes se preparando para entrar na terra prometida. Mas, teve fé e acreditou nos planos de Deus para ele. Quando Deus fez a sua promessa a Abraão, por não haver ninguém superior por quem jurar, jurou por si mesmo, dizendo: “Esteja certo de que o abençoarei e farei seus descendentes numerosos”. Abraão, contra toda esperança, em esperança creu, tornando-se assim pai de muitas nações, como foi dito a seu respeito: “Assim será a sua descendência”. (Hb 6:13-14, Rm 4:18)

A Palavra de Deus está repleta de promessas e estas serão cumpridas. Mas como em uma guerra, para que um vença, é preciso que alguém pereça. Escolha lutar ao lado de Deus, aceitando Jesus Cristo como o seu Salvador, seja vitorioso com Cristo e veja as promessas de Deus se cumprirem em sua vida.

Obediência e temor

Deus fez uma promessa ao povo de Israel:

Eis que envio um anjo à frente de vocês para protegê-los por todo o caminho e fazê-los chegar ao lugar que preparei. Prestem atenção e ouçam o que ele diz. Não se rebelem contra ele, pois não perdoará as suas transgressões, pois nele está o meu nome. 
Se vocês ouvirem atentamente o que ele disser e fizerem tudo o que lhes ordeno, serei inimigo dos seus inimigos, e adversário dos seus adversários.
O meu anjo irá à frente de vocês e os fará chegar à terra dos amorreus, dos hititas, dos ferezeus, dos cananeus, dos heveus e dos jebuseus, e eu os exterminarei. (Êx 23:20-23)

Deus também nos oferece proteção, pois o anjo do Senhor acampa-se ao redor daqueles que o temem e os livra. (Sl 34:7)

A condição? Obediência e temor ao SENHOR. Siga este caminho, porque a seus anjos Deus dará ordens a seu respeito, para que o protejam em todos os seus caminhos. (Sl 91:11)

Tempo de Deus

Os irmãos de José se prostravam diante dele (Gn 44:14). Os sonhos que ele teve mais de vinte anos antes se cumpriam (Gn 37:6-9). O que parecia improvável se tornou possível pelo agir de Deus. José devia acreditar que não veria sua família nunca mais e de repente, ali estavam seus irmãos – todos os detalhes meticulosamente planejados por Deus: José com poder no Egito gerenciando um suprimento de mantimentos em um período de fome severa em toda a terra.

Deus sabe o que faz e Ele irá agir. Talvez em um, dois, dez, vinte ou cem anos – mas vai agir. Ele sabe o que é melhor para você e para mim – mesmo que a gente não entenda.

SENHOR, bem sei que podes fazer todas as coisas; nenhum dos Teus planos pode ser frustrado (Jó 42:2). E sabe qual o plano de Deus para você? Jesus.

Há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte (Pv 14:12). Sabe qual o único caminho verdadeiro? Jesus.

Jesus é o caminho, a verdade e a vida (Jo 14:6). Não importa se para nós os planos de Deus parecem distantes. Deus trouxe a Israel o Salvador Jesus, como havia prometido (At 13:23), não no tempo que os homens julgaram conveniente, mas quando foi estabelecido pela Sua soberania. Aquele que prometeu é fiel (Hb 10:23b). Deus é sempre fiel e nos ama imensamente…

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (Jo 3:16)

Descanse somente em Deus, ó minha alma; dEle vem a minha esperança.
SENHOR, em Ti espero; Tu me responderás, ó Senhor meu Deus!
Guia-me com a tua verdade e ensina-me, pois Tu és Deus, meu Salvador, e a minha esperança está em Ti o tempo todo.
(Sl 62:5 / 38:15 / 25:5)

Não se apresse. Espere em Deus e tudo terminará bem.

317º dia: At 11-13

O povo de Jerusalém e seus governantes não reconheceram Jesus, mas, ao condená-lo, cumpriram as palavras dos profetas.

Mesmo não achando motivo legal para uma sentença de morte, pediram a Pilatos que o mandasse executar.

Tendo cumprido tudo o que estava escrito a respeito dele, tiraram-no do madeiro e o colocaram num sepulcro.

Mas Deus o ressuscitou dos mortos. O que Deus prometeu a nossos antepassados ele cumpriu para nós, seus filhos, ressuscitando Jesus, como está escrito no Salmo segundo: ‘Tu és meu filho; eu hoje te gerei’.

Portanto, meus irmãos, quero que saibam que mediante Jesus lhes é proclamado o perdão dos pecados.

Por meio dele, todo aquele que crê é justificado.

(At 13:27-41)

208º dia: Is 61-63

Lendo as palavras ditas anos antes por Isaías (Is 61:1-3), Jesus anunciou o cumprimento das escrituras:

E, chegando Jesus a Nazaré, onde fora criado, entrou num dia de sábado, segundo o seu costume, na sinagoga, e levantou-se para ler. E foi-lhe dado o livro do profeta Isaías; e, quando abriu o livro, achou o lugar em que estava escrito:
“O Espírito do Senhor é sobre mim, Pois que me ungiu para evangelizar os pobres. Enviou-me a curar os quebrantados do coração, a pregar liberdade aos cativos, e restauração da vista aos cegos, a pôr em liberdade os oprimidos, a anunciar o ano aceitável do Senhor.”
E, cerrando o livro, e tornando-o a dar ao ministro, assentou-se; e os olhos de todos na sinagoga estavam fitos nele. Então começou a dizer-lhes:
“Hoje se cumpriu esta Escritura em vossos ouvidos.” (Lc 4:16-21)
 

É maravilhoso ver que os planos de Deus são perfeitos e saber que suas promessas serão cumpridas.

“Regozijar-me-ei muito no SENHOR, a minha alma se alegrará no meu Deus; porque me vestiu de roupas de salvação, cobriu-me com o manto de justiça. Porque, como a terra produz os seus renovos, e como o jardim faz brotar o que nele se semeia, assim o Senhor DEUS fará brotar a justiça e o louvor para todas as nações.” (Is 61:10a, 11)